domingo, 26 de abril de 2009

Escândalo das passagens aéreas e MPs quase paralisam pauta da Câmara

Desde o início do ano, plenário só votou quatro projetos de lei.
Proposta sobre passagens aéreas entra em discussão na terça-feira.

Com a Câmara afetada por escândalos provocados pelo uso inadequado de dinheiro público e por medidas provisórias que impedem seu trabalho regular, o presidente da Casa, Michel Temer (PMDB-SP), enfrenta um novo desafio na terça-feira (28).

Leia a reportagem completa no G1

Postagens populares