quinta-feira, 28 de julho de 2011

Netinho pode retirar candidatura para apoiar Haddad em SP


Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva comanda articulação em prol de petista

André Vargas
O vereador por São Paulo Netinho de Paula, do PCdoB
Vereador por São Paulo, Netinho de Paula (PCdoB) estava de férias quando a notícia vazou (Joca Duarte/Divulgação)
"Não combinaram nada disso com a gente", Wander Geraldo, presidente municipal do PCdoB
O PT conta com a desistência do vereador e cantor Netinho de Paula (PCdoB) na disputa à prefeitura de São Paulo nas eleições do ano que vem. Petistas querem engrossar os apoios à possível candidatura do ministro da Educação, Fernando Haddad. O nome de Haddad ganha força dentro do PT, em detrimento de figuras tradicionais, como o ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, e a senadora Marta Suplicy.

A estratégia do PT por Haddad conta com um articulador político de peso: o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Há duas semanas, em Goiânia, durante um congresso da União Nacional dos Estudantes (UNE), Lula falou a um grupo de aliados, em bom som, que há uma negociação com o PCdoB em andamento: caso o ministro seja confirmado na disputa, Netinho retiraria a candidatura.
Em prol de Haddad estariam entidades ligadas à educação em São Paulo, como sindicatos de professores e entidades estudantis, que formam a base política do PCdoB e estão mais identificadas com Haddad do que com Netinho.

As bases estadual e municipal do PCdoB em São Paulo negam o acordo. Em abril, o partido lançou o cantor como pré-candidato. Netinho foi o primeiro nome anunciado oficialmente na cidade de São Paulo para a eleição de 2012. Ele entra na corrida amparado pelos 7,7 milhões de votos que obteve em 2010, quando foi derrotado na disputa ao Senado Federal.

Wander Geraldo, presidente municipal do PCdoB, diz que a pré-candidatura de Netinho está mantida. “Não combinaram nada disso com a gente”, garante. A presidente estadual do partido, Nádia Campeão, classifica tudo como especulação. Segundo ela, Netinho segue firme na disputa. “Não conversamos com a direção do PT sobre a capital depois de o nome de Haddad ter surgido”, afirmou.

A notícia sobre os planos de Lula vaza enquanto Netinho de Paula aproveita o recesso da Câmara de Vereadores de São Paulo para tirar uma semana de férias no Ceará. Ele não foi localizado para comentar o assunto. Quando lançou sua pré-candidatura, em abril, o vereador afirmou que não aceitava ser vice de ninguém. A ver até quando mantém a convicção.

Fonte: veja 

Postagens populares