sexta-feira, 19 de julho de 2013

Prefeitura não cumpre prazo de entrega de terminal Vila Nova Cachoeirinha

Matéria publicada originalmente na coluna VC Repórter do Portal Terra, a quem agradecemos.
Rampa prevista no projeto original do terminal de ônibus Cachoeirinha deveria ter sido concluída no final de 2011, mas segue no "esqueleto" de concreto
Foto: Alecir Macedo / vc repórter
Desde novembro de 2010, quem utiliza o terminal de ônibus Cachoeirinha, na zona norte de São Paulo, espera ver concluídas as obras de acesso e de modernização das plataformas. A prefeitura prometeu, à época, entregar a reforma, orçada em quase R$ 7 milhões, até o final de 2011. Mas, após mais de 1 ano e meio após o término do prazo, a construção segue inconclusa.
O projeto da obra prevê “uma série de adaptações para acessibilidade, como a instalação de um elevador e uma rampa de acesso ao terminal àqueles que trafegam pela avenida Deputado Emílio Carlos”, segundo informações da própria prefeitura. A rampa e o elevador, contudo, permanecem no “esqueleto” de concreto.
O mesmo acontece com a proposta de elevação das plataformas para facilitar o embarque nos ônibus e a instalação de piso especial para deficientes, que ainda não saíram do papel. Os únicos itens do projeto que foram entregues são a nova bilheteria, os corrimãos e o bicicletário.
Elevador anexo não está funcionando Foto: Alecir Macedo / vc repórter
Elevador anexo não está funcionando
Foto: Alecir Macedo / vc repórter
​A SPTrans alega que realiza “trabalhos de ajustes para a entrega da reforma” e que o prazo prometido não foi cumprido “em função de alterações do projeto original, durante a vigência do contrato, o que demandou novos quantitativos e readequação financeira”. O órgão não informou novo prazo de entrega. “A conclusão demandará novos recursos e será objeto de novos projetos”, respondeu a secretaria após questionamento do Terra. Mesmo assim, o projeto, conforme garante a SPTrans, segue com o orçamento inicial, de R$ 6.950.169, mantido. 
Uma vez concluída, o terminal Cachoeirinha deve atender os usuários do Centro de Convivência da Juventude (CCJ) Ruth Cardoso e aos alunos EMEF Professor Gilberto Dupas, que não têm acesso direto ao terminal.
O internauta Alecir Macedo, de São Paulo (SP), participou do vc repórter, canal de jornalismo participativo do Terra. Se você também quiser mandar fotos, textos ou vídeos, clique aqui.

Postagens populares