sábado, 2 de janeiro de 2010

Senado não consegue em 2009 reunir os 81 senadores em uma mesma sessão

Levantamento considerou sessões deliberativas, quando há votações.
Em média, cada sessão teve 19% dos senadores ausentes.

Do G1, em São Paulo


No ano de um dos principais escândalos que atingiram o Senado - com a revelação de nomeações não informadas nos boletins de recursos humanos da Casa em um suposto esquema que acabou derrubando diretores do órgão -, levantamento do G1 verificou que nenhuma sessão deliberativa (aquelas em que há votações) em 2009 conseguiu reunir todos os 81 senadores.

Sessão do Senado em novembro (Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

A maior presença (79 parlamentares) foi registrada em três sessões, todas antes do recesso parlamentar do meio de ano. A sessão em que menos senadores compareceram (43) ocorreu em junho.

Em junho, o Senado viveu o auge de sua crise, com a divulgação dos atos secretos encontrados por uma comissão de sindicância. Acusado de nomeação de parentes, omissão de bens e outras irregularidades, o presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP), passou a ser alvo de representações e pedidos de afastamento do cargo. Em agosto, o Conselho de Ética da Casa arquivaria todas as denúncias.

Leia a matéria completa no Portal G1


Postagens populares